quinta-feira, maio 25, 2006

Notícia: Viva o dia de amanhã!

Álcool - ‘Fórmula’ usada pelos espiões russos em Portugal
Beber sem o peso da ressaca


Especialistas avisam que o produto não impede os efeitos do álcool
As dores de cabeça são implacáveis, o mal-estar intenso e o estômago mostra-se pouco sereno para quem se deixa levar pelo entusiasmo de um copo seguido de outro. Para combater a ressaca está a partir desta semana à venda nas farmácias a ‘fórmula secreta’ dos espiões russos: dá pelo nome de KGB e é apresentado por especialistas como “o único medicamento natural eficaz contra os sintomas da bebedeira”.

Segundo João Garcia Rolo, especialista em Medicina Interna, o suplemento é composto por dois comprimidos, um vermelho e um preto. “O primeiro, acelera o metabolismo, queimando mais rapidamente o acetaldeído, uma substância agressiva que ataca o organismo e provoca os efeitos negativos da ressaca.” O outro, à base de carvão activado, é “um mata-borrão que absorve os detritos de álcool que ficam no organismo”.

Reza a história que a fórmula foi inventada pelos russos “para os espiões tomarem enquanto bebiam com os inimigos”. Por curiosidade, João Garcia Rolo testou os efeitos práticos do KGB. “Experimentei e no dia seguinte não tinha sintomas de ressaca.” O médico garante que “tomar o suplemento não inibe a bebedeira, só evita a ressaca”. Além disso, “não existem efeitos secundários nem um aumento do consumo”.

Três comprimidos vermelhos antes de beber e três pretos no final da noite são a chave da ressaca esquecida. O suplemento está disponível por 4,95 euros nas farmácias e “não necessita de receita porque é vendido como suplemento alimentar”.